Lançamento da Microsoft traz mudanças na linguagem F#

Confira todas as mudanças que acompanham o novo Visual Studio 2017 15.6

Com o lançamento do Visual Studio 2017 15.6 nesta semana, a Microsoft fez mudanças na linguagem F# e na biblioteca central associada. F# é uma linguagem desenvolvida e caracterizada pelo fabricante, com funcionalidade como prioridade.

A principal alteração comportamental faz com que os tipos de tupla F# e os de “System.Tuple” sejam completamente sinônimos. Como resultado, um alerta é apresentado quando os programadores acessam as propriedades “.Item” e “.Rest” de uma tupla do sistema.

Isso conserta inconsistências na forma como os dois tipos interagem e repara uma regressão que foi introduzida na versão 15.4 do Visual Studio 2017.

Outras mudanças incluem:

- Adição de suporte de projeto F# para arquivos e pastas em projetos baseados no .Net Core SDK;

‒ A biblioteca F#, FSharpCore, tem a propriedade “IsSerializable” em tipos F# para a versão .Net básica da biblioteca. A biblioteca também passa a suportar a função Async.StartImmediateAsTask;

‒ Uma mudança no controle de versões permite que as ferramentas se alinhem com vários encadeamentos para produtos diferentes, em vez de ficarem artificialmente em conformidade com uma versão de linguagem F#. O binário FSharpCore e o pacote FSharpCore passam a usar mesmo esquema para gestão de versões. Para capacitar esse alinhamento, a linguagem F# vai passar da versão 4.1 para a 4.5, quando o Visual Studio 2017 15.7 for lançado.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • Twitter Basic Square
Tags

© 2013 by Success Consulting. Proudly GlobalMask Soluções em TI

  • LinkedIn Social Icon
  • Facebook Social Icon
  • Twitter Classic
  • Instagram ícone social

 

Comercial@globalmask.com.br

BH | RJ | SP | Maracanaú| Fortaleza | Brasilia | Goiânia | Brasil